Home » » Influência Mitologica em Naruto

Influência Mitologica em Naruto

Atendendo aos pedidos dos users do fórum, este tópico tem a intenção de mostrar a grande influência da Mitologia Japonesa no anime Naruto. Essa influência já é normal na maioria dos animes e não seria diferente em Naruto. Para tanto Masashi Kishimoto, o criador da série, aprofundou-se nos contos mitológicos e na historia de heróis, típicos do Japão como os próprios ninjas (ou shinobis), organização secreta marcial que habitava as províncias do Japão feudal no século XIV, e que dão enredo à série.

DEUSES

Há muitos mitos que explicam relações naturais. O Sol e a Lua, irmão e irmã, ying e yang sempre em conflito. O reino celestial como não podia deixar de ser, tem uma estrutura bastante semelhante. Nesse contexto os deuses mais importantes são os deuses irmãos Amaretsu, Susanno e Tsukuyomi. Na mitologia japonesa esses três Deuses são chamados de "TENGU" e são os professores legendários do NINJA. No anime eles são os três Kinjutsus secretos do Mangenkyou Sharingan

Amaretsu ____(deusa do Sol) Considerado o ataque físico mais devastador, pode invocar chamas negras que consomem qualquer coisa, inclusive outras chamas, com isso não podem ser apagadas, somente o usuário do Amaterasu pode pará-las, diz-se que somente após sete dias e sete noites as chamas se apagam.
Susanoo _____(deus do Trovão) Kuchiyose no Jutsus, capaz de invocar técnicas de ataque e defesa supostamente infalíveis.
Tsukuyomi ___(deus da Lua) pode criar um genjutsu muito poderoso.

Amaterasu

De acordo com a mitologia, Amaterasu (ou Amaretsu) e Susanoo não eram propriamente amigos. Certa vez Susanoo, foi visitar os domínios de Amaterasu, com o pretexto de pedir perdão por um anterior comportamento incorreto, mas em vez disso, soltou potros malhados nos campos de arroz da deusa, destruindo-os completamente e profanou vários dos seus bens. Amaterasu magoada, então, retirou-se para uma caverna e o mundo mergulhou na escuridão.Até que outra deusa, acompanhada pelas 800 miríades, deuses menores, resolveu executar uma dança, alegre, do lado de fora da caverna. Ao mesmo tempo, os outros deuses faziam um barulho enorme e por fim, cheia de curiosidade, Amaterasu espreitou para fora e viu a sua imagem refletida num espelho que, entretanto, tinha sido confeccionado. Foi este o primeiro espelho, espelho que faz parte das insígnias imperiais do Japão e depois deste episódio, nunca mais a alternância do dia e da noite foi perturbada.

Susanoo

Susanoo não se limita a ser apenas o deus das tempestades, também lhe chamam "divindade veloz e impetuosa" ou "o macho impetuoso". Depois do episódio da caverna, foi expulso do reino celestial de Amaterasu e dirigiu-se para a província de Izumo, na costa da ilha de Honshu banhada pelo mar do Japão. Daqui, Susanoo atravessou o oceano em direção à Coréia, no continente, onde plantou florestas com os pelos da sua própria barba, é por isso que esta divindade aparece também relacionada às florestas.
Há muitas outras lendas sobre Susanoo onde o seu papel nem sempre é negativo; uma das mais populares é a que conta como matou o dragão de oito cabeças de Izumo. Com oito taças de saquê, embriagou-o; noutra versão, o saquê tinha sido previamente envenenado. Susanoo tinha assim feito uso da sua coragem e esperteza a fim de salvar uma deusa menor, ainda jovem, cujas irmãs mais velhas tinham sido todas devoradas, uma em cada ano e durante muitos anos, pelo dragão.
Na cauda do dragão morto, Susanoo encontrou um sabre, Totsuka no Tsurugi, o segundo elemento das insígnias imperiais. Num certo momento em que não estava zangada com Amaterasu, caso bastante raro, resolveu oferecer-lho, em troca recebeu as jóias que Susanoo utilizaria depois para soltar os relâmpagos anunciadores do seu poder e constituem a terceira e última insígnia do imperador.

No manga Susanoo é uma poderosa criatura de fogo que não pode ser superado, e só se acalma quando todos seus inimigos estiverem caídos. Invocada apenas por Itachi, com ataque e defesa absolutos, num braço ele carrega o sabre Totsuka no Tsurugi, que ao ferir um inimigo com sua lâmina esse entraria em um estado de coma eterno, como se estivesse preso em Genjutsu eterno. Quanto a defesa absoluta, isso se dá por causa de outro item místico, o espelho Yata no Kagami, que funciona como uma carapaça intransponível e reflete todos os ataques do oponente.

OS TENGU

Na mitologia japonesa esses três Deuses são chamados de "TENGU" e são os professores legendários do NINJA.

No século XVIII foi escrito um tratado chamado de TENGU-GEIJUTSU-RON (Discurso sobre a Arte dos Demônios das Montanhas), onde um guerreiro conta suas experiências e ensinamentos de vida e de combate que recebeu de um TENGU mestre na Arte da Espada (Kenjutsu).

Um híbrido de homem e corvo (vê se aqui a relação entre Itachi e os corvos por ele utilizados), os TENGU são originalmente descendentes de SUSANOO. Eles se assemelham a humanos alados com bicos ou narizes inacreditavelmente longos. Suas penas e pele são normalmente de cor vermelho escuro, entretanto estes são freqüentemente escondidos pelos trajes pretos como o dos NINJAS ou com vestimentas de monges YAMABUSHIS..

Os antigos SAMURAIS acreditavam que os NINJAS eram descendentes dos TENGU, por serem capazes de fazer proezas impossíveis para um ser humano comuns.

Completamente capaz de vôo, os TENGU são criaturas arbóreas que habitam as filiais superiores de árvores.

Blog Archive

Popular Posts

Powered by Blogger.