Home » » Kuji Kiri

Kuji Kiri

História

Kuji Kiri ("Nove cortes simbólicos") é uma prática de uso de gestos com as mãos que se encontra hoje em Shugêndo, que é uma antiga religião japonesa em que a iluminação ou a união com kami é obtido através da compreensão da relação entre Homem e Natureza , o foco ou o objectivo de Shugêndo é o desenvolvimento da experiência espiritual e do poder, e Shingon Mikkyo, Budismo Shingon é uma das principais escolas de ensino regular de budismo japonês e um dos poucos sobreviventes Esotérico budista linhagens que começou no quarto século EC para o terceiro lugar que originalmente se espalhou para a China e Coreia. Os esotéricos (crenças) ensinamentos mais tarde florescer no Japão , sob a égide de um monge budista chamado Kukai , que viajou para a China da Dinastia Tang de adquirir e solicitar a transmissão dos ensinamentos esotéricos. Também está presente em algumas escolas antigas e tradicionais (" ryuha ") das artes marciais japonesas, incluindo mas não exclusivo para as escolas que têm laços com ninjutsu.

Breve resumo

O Kuji Kiri é uma forma através da meditação atingir certos estados de espírito e certos estados físicos, tudo fazendo certos selos com as mãos, entrelaçando os dedos, de forma a moldar o Ki, que basicamente é a nossa energia vital. Esta pratica deriva da arte marcial japonesa do Ninjutsu, arte marcial criada para a defesa dos camponeses, nas eras medievais. As mãos na óptica do mundo oriental são uma representação muito importante do corpo, ao criar um selo com as mãos, estamos a moldar o nosso corpo para se disponha á realidade que pretendemos. À medida que se faz os selos com as mãos, estes vão ficando gravados no subconsciente. Esta técnica não pode ser aprendia por qualquer um, o shinobi tem que ter uma certa graduação requerida, se o shinobi não tiver a graduação específica só pode praticar Kuji Kiri com o auxílio de um sensei, para o caso de algo correr mal.

Os Nove cortes Simbólicos (selos):

Os selos devem ser sempre feitos ao nível do coração.


Paços para formar os selos:

Retirada sensorial - Sozinho, sente-te numa posição confortável e num local calmo
2º Relaxar - Concentra-te na tua respiração
3º Sensibilidade ao ki - Cultiva e armazena ki no teu corpo
4º Circulação de energia - Ganhar consciência da fluidez do ki na natureza e a habilidade de o mover
Equilíbrio - Físico e mental que provem de um entendimento do Eu Interno e dos outros
6º Harmonia - Poder de absorver ki e redirecciona-lo para outros fins (medicinais, relaxantes, etc.).
7º Aplicar - Aprender a não fazer por fazer. A chave é praticar, ter paciência e perseverança. Por na mesa objectivos realistas e ver as coisas claramente como são. Partilhar conhecimento para outro que o buscam.

Blog Archive

Popular Posts

Powered by Blogger.